Apple celebra o mês da História Negra com edição limitada do Apple Watch e mais

Apple celebra o mês da História Negra com edição limitada do Apple Watch e mais

A Apple lança uma versão limitada do Apple Watch, e muitas outras coleções exclusivas para celebrar o mês da História Negra, já em fevereiro.

Ricardo Crespo
∙ 2 minutos de leitura

A Apple anunciou hoje que irá celebrar o mês da História Negra com conteúdo selecionado que destaca os criadores, artistas, desenvolvedores negros, assim como os seus negócios na App Store, Apple Music, Apple TV, Apple Books, Apple Podcasts e muito mais. O conteúdo será apresentado ao longo do mês de fevereiro.

A bracelete desportiva "Black Unity" tem "Verdade. Poder. Solidariedade." gravado a laser no pino de fixação de aço inoxidável 

A Apple também irá lançar uma edição limitada do Apple Watch Series 6 com a inscrição "Black Unity" e uma bracelete desportiva "Black Unity", ambas as quais estarão disponíveis online e nas lojas da Apple a partir de dia 1 de fevereiro, nos Estados Unidos e em 38 outros países.

A Apple diz que o relógio estará disponível em fevereiro, com preços a partir dos 399$, enquanto que a bracelete desportiva terá o preço de 49$ e permanecerão disponíveis durante todo o ano.

A edição limitada do Apple Watch é complementada pelo novo mostrador "Unity" no watchOS 7.3, que a Apple acaba de lançar.

Tanto a bracelete desportiva 'Black Unity' como o mostrador do relógio Unity são baseados nas cores da bandeira pan-africana.


Uma visão geral de alguns dos outros planos da Apple:

  • App Store: surgirá uma nova categoria 'Mês da História Negra' que destacará empresas e desenvolvedores negros. A Apple também apresentará histórias com desenvolvedores negros discutindo a importância da representação em aplicações e jogos.
  • Apple Music: a Apple apresentará listas de reprodução, ensaios, vídeos originais e muito mais de influenciadores, músicos, autores e diretores negros.
  • Apple Maps: a Apple apresentará guias de mapas da Apple, criados em colaboração com EatOkra, uma aplicação de uma empresa criada e gerida por negros, com base em Brooklyn.
  • Apple TV: o tema deste mês para "Histórias Essenciais" na aplicação da Apple TV irá "destacar a multidimensionalidade das famílias negras e sua representação no pequeno ecrã", segundo a Apple. Também haverá um novo conteúdo de Oprah Winfrey.
  • Apple News: a Apple apresentará grupos de tópicos selecionados que destacam o "melhor jornalismo sobre raça na América", enquanto que o Apple News + oferecerá artigos de áudio que celebram a experiência negra.

O comunicado à imprensa da Apple fornece uma visão detalhada do que está reservado para os produtos e serviços da Apple ao longo de fevereiro.

A tua subscrição no iFeed foi efetuada com sucesso.
Bem-vindo de volta! Iniciaste sessão com sucesso.
Perfeito! O teu registo foi concluído com sucesso.
O teu link expirou
Parabéns! Verifica o teu e-mail e utiliza o link para iniciar sessão.