O novo Apple Watch Series 6 é o primeiro wearable da marca da maçã a incluir o chip de localização U1 Ultra Wideband. Esta solução UWB (Ultra Wideband) da Apple foi apresentada originalmente com a série iPhone 11, no ano passado, e começa agora a expandir-se a outros produtos seus.

A Apple não mencionou a novidade na apresentação do Apple Watch Series 6, no evento, mas ela foi descoberta na mesma pelos mais atentos, num dos slides.

Logo por baixo do quadradinho do Cellular pode ver-se do destaque do U1.

O que é o chip U1 e qual a sua utilidade?

O chip U1 poderá ser facilmente avaliado por muita gente como um recurso inútil, por não estar ainda a ser utilizado para muitas coisas no ecossistema da Apple. Basicamente o que ele faz é recolher e fornecer localização precisa e de percepção espacial dos dispositivos que equipa, assim é possivel que seja detetada a sua posição exata em relação a outros dispositivos no mesmo espaço físico.

Os iPhones 11 e 11 Pro, até à apresentação de ontem, eram os únicos dispositivos da Apple com este chip. Este servia para aprimorar o uso do sistema de transferências AirDrop, bem como do funcionamento do CarKey.

No Watch Series 6, não é claro ainda qual poderá ser o seu uso, no entanto, claramente que vai ser uma tecnologia onde a Apple vai investir no futuro. Principalmente em ligação com as AirTags e o CarKey. Por isso eu ficaria interessado nesta novidade do Watch Series 6 se estivesse de olho no modelo.

Devido ao seu conjunto de recursos bastante específicos, espera-se que o U1 desempenhe um papel fundamental nas vindouras AirTags, as tags de localização da Apple, que se esperavam serem apresentadas neste evento especial, mas que teimam em não chegar ao mercado...

Vale a pena notar que o Apple Watch Series 6 é o unico wearable da Apple a incluir o chip Ultra Wideband, enquanto que o Apple Watch SE anunciado em conjunto não.