O lançamento do "novo iMac de 27'' não nos trouxe muitas novidades por fora: a Apple decidiu manter o mesmo design com margens largas no ecrã e temos agora uma webcam com resolução 1080p. Se por fora parece igual, por dentro vemos grandes mudanças a acontecer, numa atualização que vem trazer mais performance ao iMac com os mais recentes chips da Intel. Vamos então conhecer os resultados.

Para comparar a performance do novo iMac de 27" com o modelo de 2019, o site Macotakara executou testes de benchmark usando o Geekbench (64-bits). Em linhas gerais, o novo modelo base do iMac de 27'' traz-nos mais performance, apresentando-se 20% mais rápido que o seu equivalente de 2019 para desempenho multi-core. Ao executar testes de benchmark, o novo iMac equipado com Intel Core i5 de 3.1 GHZ apresentou uma pontuação de 5688 para multi-core, ao passo que o seu antecessor de 2019 equipado com Core i5 de 3.0 GHz obteve uma pontuação de 4746.

No que respeita ao desempenho single-core, houve também um aumento de performance, ainda que menos significativo. Para o modelo base do iMac 2020 registou-se uma pontuação de 1090, enquanto que para o modelo base de 2019 obteve-se uma pontuação de 1027, ambos em single-core. Quer com isto dizer que no desempenho a um núcleo, o novo modelo base iMac de 2020 apresenta-se 6% mais rápido que o seu antecessor.

A performance gráfica também melhorou no modelo base do novo iMac. Este vem equipado com a placa gráfica Radeon Pro 5300, ao passo que o modelo base da geração de 2019 vinha equipado com a placa gráfica Radeon Pro 570X. Assim, o novo iMac é 36% mais rápido que o modelo prévio para a framework Metal e 43% mais rápido em OpenCL.

Estes números são certamente um passo em frente para os iMacs, mas não "o passo" que muitos esperam. Tal como anunciado na WWDC, a Apple iniciou a transição da Intel para os seus próprios processadores Apple Silicon. Muitos aguardam a nova geração de iMacs com os novos chips da Apple e um novo design, cujos rumores apontam para o lançamento entre o final deste ano e ínicio do próximo ano.

Consideras que esta atualização dos iMacs veio em boa altura? Planeias comprar ou atualizar para o iMac de nova geração? Ou irás aguardar pelos iMacs com Apple Silicon? Partilha connosco na secção de comentários.