Um iPhone dobrável parece estar a ser preparado pela Apple. Isto é o que indicam rumores recentes, que revelam pedidos de ecrãs dobráveis a ninguém menos do que a Samsung. Os painéis seriam utilizados para a criação de protótipos que, posteriormente, podem dar origem aos primeiros iPhones foldable lançados pela maçã.

Os telemóveis dobráveis são uma tendência que, aos poucos, têm sido exploradas por diversas marcas como Samsung, Huawei e muitas outras. Ao que tudo indica, a Apple tem observado de perto estes lançamentos e estudado os seus pontos fracos, a fim de entregar aos consumidores um produto similar.

Primeiro iPhone dobrável pode ser anunciado até o início de 2021
Primeiro iPhone dobrável pode ser anunciado até o início de 2021

A novidade foi partilhada pelo conhecido leaker Ice Universe no Weibo e revela que a Samsung recebeu um grande pedido para ecrãs dobráveis, dando pistas sobre o lançamento futuro de um iPhone com estas características. E engana-se quem pensa que esta é a primeira vez que a Apple está a trabalhar com este tipo de componentes – em 2019 o site ETNews havia apontado o envio de algumas unidades “gratuitas” de demonstração para a empresa de Tim Cook.

Os ecrãs teriam sido enviados numa espécie de acordo urgente, onde a sul-coreana ficaria responsável por fornecer, pelo período de um ano, os componentes. A Samsung, que atualmente trabalha com a venda de smartphones como o Galaxy Z Flip 5G e o Galaxy Fold 2, também fornece painéis dobráveis para outras marcas.

É praticamente certo que a Apple tem testado esta tecnologia desde o ano passado e, ao que tudo indica, finalmente está pronta para construir protótipos destinados a testes. A fonte sugere que os primeiros iDevices dobráveis podem chegar ao mercado, na melhor das hipóteses, ao final de 2020 ou início de 2021, seja através de um iPhone ou iPad a embarcar esta tecnologia.

Pode ser que estejamos a falar do primeiro iPad com suporte ao 5G, mas como os rumores o mencionam pela primeira vez, ainda não há informações suficientes para garantir um lançamento iminente, especialmente mais quando levamos em consideração o atual cenário de pandemia pela Covid-19.

Com a série iPhone 12 tendo seu lançamento comercial atrasado, é compreensível que a gigante de Cupertino esteja com uma certa urgência para a montagem dos protótipos e início dos testes, mas desde junho temos visto leaks sugerindo o lançamento de um iPhone que pode incorporar dois ecrãs (no estilo do Microsoft Surface Duo) em vez de um painel dobrável único, similar ao do Galaxy Z Fold 2.

De qualquer forma, possivelmente veremos várias fugas de informação envolvendo protótipos do vindouro iPhone dobrável nos próximos meses, antes do dispositivo finalmente ganhar um lançamento comercial.