Nada acontece por mero acaso e prova disso é o destaque de hoje, dia 28 de agosto de 2020, na App Store.

Enquanto que a batalha judicial ainda mal começou, a Apple parece estar a tentar empurrar os seus utilizadores que habitualmente jogam Fortnite, para jogarem PUBG.

Isto acontece no mesmo dia em que a conta de desenvolvedor da Epic Games será cancelada. Contudo, a novela ganha contornos mais “macabros” se tivermos em conta que o jogo PUBG, agora destacado na App Store, usa como base a plataforma da Unreal Engine, propriedade da Epic Games.

Se bem se lembram, conforme referi aqui, a conta de desenvolvedor da Unreal Engine também estava para ser hoje cancelada, o que poria em causa o futuro do próprio PUBG nas plataformas Apple. No fundo, só a decisão da juíza há alguns dias atrás garantiu que o jogo agora destacado tenha continuidade sem problemas, até ver claro.

Se pertences ao grupo de utilizadores da marca da Maçã que agora ficou apeado sem poder dar continuidade ao teu progresso no Fortnite, valerá a pena dares uma oportunidade ao PUBG.

Trata-se de um jogo no mesmo formato Batte Royale, que depois de dois anos na App Store foi alvo de uma remodelação total. A partir de 8 de setembro poderás jogar num mapa reformulado em relação ao atual, com melhores gráficos, texturas e efeitos mais cativantes.

Obviamente, terás também as habituais compras de créditos dentro a aplicação, que para já vão pagando os 30% de comissão à Apple.

Apesar de eu continuar a jogar Fornite num dispositivo Android secundário, vou com toda a certeza testar o PUBG no iPhone no próximo mês de setembro.