Web Summit 2022: O renascer das gigantes tecnológicas

Como as grandes empresas tecnológicas reemergem após eventos negativos, é o ponto de foco do livro "Always Day One".
Escrito por Nuno Rocha e
2 mins de leitura
Web Summit 2022: O renascer das gigantes tecnológicas
Publicidade
Publicidade

Na absoluta estreia do palco Book Summit, um local onde se fala de livros, o primeiro convidado em palco foi Alex Kantrowitz, reputado jornalista de tecnologia, há muitos anos dedicado aos acontecimentos das gigantes de Silicon Valley.

O seu livro foi o tema de conversa moderada por Mathew Champion, editor chefe da Vice World News.

O título "Always Day One", é uma expressão associada a Jeff Bezos, nos seus tempos de CEO da Amazon, que visava, entre outros, transmitir a quem trabalhava consigo, que a motivação deveria ser a cada dia a mesma como no primeiro dia de trabalho. Segundo o autor do livro outro dos ideais pelo qual o ex-CEO da Amazon regia a sua equipa, era motivar o trabalho com afinco em novidades diferentes das já criadas, mercados diferentes, tecnologias diferentes.

Na verdade, foi assim que a Amazon se desenvolveu desde uma loja online de venda de livros, à maior empresa de retalho do mundo, fornecedora de serviços na nuvem, produtora de hardware próprio, Inteligência Artificial entre muitos outros ramos de negócio.

O livro centra-se mais nas cinco grandes empresas tecnologicas Apple, Amazon, Meta, Alphabet (Google) e Microsoft, e na sua enorme capacidade de recriação e agilidade para sairem reforçados de situações complicadas.

Caso de exemplo a Meta (Facebook, etc.) que apostou no Metaverso, uma tecnologia de Realidade Virtual, que não foi ainda totalmente compreendida e aceite pelo mundo e como tal, provocou até agora uma queda de cerca de 71% no valor das ações da empresa liderada por Mark Zuckerberg.

Contudo, Alex afirma que não tem dúvida de que isto é apenas um momento na vida da empresa e que sairá reforçada após este episódio. Esta quase certeza, deve-se ao facto do autor acreditar que o grande capital destas empresas são os milhares de funcionários e as suas mentes brilhantes, que entretanto estarão já eventualmente trabalhar num outro qualquer projeto capaz de dar a volta a um momento menos bom.  

Com efeito, todas as grandes tecnológicas atrás referidas já passaram por momentos menos bons na sua hitória, como a Apple, por exemplo por diversas vezes aliás, principalmente antes da Era iPhone.

Devemos um agradecimento muito especial à NordVPN pelo patrocínio da nossa cobertura na Web Summit!

Publicidade
Publicidade
Partilhar artigo