Destaque

Apple apresenta novos MacBook Pro com processadores M2 Pro e M2 Max

Os portáteis de topo da Apple estão melhores que nunca!
Escrito por Pedro Alves e
2 mins de leitura
Apple apresenta novos MacBook Pro com processadores M2 Pro e M2 Max
Publicidade
Publicidade

Hoje é dia de novidades no portfólio da Apple! De forma discreta, sem qualquer evento dedicado, a Apple disponibilizou um comunicado de imprensa no qual dá conta do lançamento da renovada geração dos seus computadores portáteis MacBook Pro de 14" e 16". Vamos falar um pouco mais sobre aquilo que mudou, mas também sobre o que se manteve inalterado.

Começando desde já pela componente estética, desengane-se quem esperava por alguma alteração. O desenho destas máquinas é bastante recente, e os fãs da Apple sabem que o habitual é manter a mesma linguagem de design durante alguns anos. Ora, tal facto verifica-se mais uma vez, dado que os novos MacBook Pro são indistinguíveis à vista face aos modelos que vieram substituir.

Na prática, isto significa que o notch continua presente, num ecrã com as mesmas características do que já vinha a ser utilizado. A seleção de portas e ligações também é, sem surpresas, uma cópia do que já se conhecia. Resumindo, as alterações introduzidas tiveram todas como destino o interior destas máquinas.

Com efeito, os chips M1 Pro e M1 Max utilizados na geração anterior terminaram o seu legado, e deram lugar aos novos M2 Pro e M2 Max. Apesar dos nomes pecarem na originalidade, o mesmo não se verifica no que ao acréscimo de desempenho diz respeito. A Apple comparou estes novos portáteis com a geração anterior, e garante acréscimos de 20% em renderização de vídeo, 25% em compilação no Xcode e 40% em processamento de imagem o Adobe Photoshop.

Os novos MacBook Pro de 14" e 16" estão agora mais rápidos do que nunca, mas mantêm níveis de eficiência energética invejáveis e praticamente inatingíveis pela concorrência, já que conseguem oferecer até 22 horas de autonomia, a maior de sempre num Mac. Os chips M2 Pro e M2 Max estão disponíveis numa imensidade de configurações, quer em número de núcleos de CPU, quer de GPU e Neural Engine. Os clientes podem assim criar uma máquina praticamente à sua medida em todos os aspetos, já que a quantidade de memória unificada e de armazenamento também são alvo da existência de várias alternativas.

Para maior conectividade, o novo MacBook Pro suporta Wi-Fi 6E, que é até duas vezes mais rápido que a geração anterior, bem como HDMI avançado, que suporta monitores 8K pela primeira vez.

Os novos computadores portáteis da maçã podem ser reservados a partir de agora na loja online da iStore, e a entrega das primeiras unidades acontece a partir do dia 24. No que a preços diz respeito, o MacBook Pro de 14" começa nos 2499€ para a variante com M2 Pro, 16 GB de RAM e 512 GB de armazenamento, e o MacBook Pro de 16" pode ser adquirido por valores que iniciam nos 3099€, partilhando as mesmas configurações base do seu irmão mais pequeno - só que o processador M2 Pro apresenta mais núcleos de CPU e GPU.

Publicidade
Publicidade
Partilhar artigo