iOS 16: Há funcionalidades que exigem iPhones mais recentes para funcionar!

Más notícias para quem aguarda ansiosamente alguma das mencionadas...
Escrito por André Morais e
1 min de leitura
iOS 16: Há funcionalidades que exigem iPhones mais recentes para funcionar!
Publicidade
Publicidade

Algumas das novas funcionalidades do iOS 16 não podem ser acedidas em todos os modelos de iPhone compatíveis com a atualização. Elas necessitam no mínimo do processador A12 Bionic para funcionarem, o que significa que precisas de um iPhone XS ou mais recente.

O teu iPhone é um 8, 8 Plus ou o X? Sim?! Então fica a saber que recursos não podes aceder ao atualizar o teu equipamento para o iOS 16. A lista não é pequena... A saber:

  • Texto detetável em vídeo;
  • Ações rápidas do texto detetável;
  • Tradução do texto detetável;
  • Questionar e descobrir as habilidades da Siri;
  • Alternar fluidamente entre o ditado e o teclado;
  • Adicionar medicação com a câmara do iPhone;
  • Pesquisa de imagens a partir de outras aplicações;
  • Isolar o sujeito de uma fotografia e enviar por mensagem;
  • Novo wallpaper Astronomy;
  • Reconhecimento de animais, monumentos, etc.

Podia já ter acabado a lista mas a exclusão de modelos não fica por aqui...

E mesmo assim, até modelos mais recentes, como os iPhones de 2018, 2019 e 2020 (ou seja, séries XS, XR, 11 e 12) ficam limitados a funcionalidades. Ou seja, só os iPhones 13 e posteriores têm acesso a estes três recursos:

  • Desfoque do primeiro plano em fotografias do modo retrato;
  • Melhorias na qualidade da gravação de um vídeo em modo cinemático;
  • Face ID em modo landscape.

Vale ainda a pena mencionar que o recurso de legendas em direto só está disponível em iPhones 11 e posteriores. E o indicador de bateria, que regressa aos iPhones com notch, está disponível em todos os modelos compatíveis, com excepção dos 12 mini e 13 mini, assim como os iPhones XR e 11.

Tens algum modelo que não está a receber alguma destas funcionalidades citadas? Partilha connosco a tua desilusão.

Publicidade
Publicidade
Partilhar artigo