• Home
  • Dicas
  • 8 dicas essenciais de privacidade para usares o Mac em locais públicos
8 dicas essenciais de privacidade para usares o Mac em locais públicos
Miguel Valente

8 dicas essenciais de privacidade para usares o Mac em locais públicos

Quer seja por preferência, quer por necessidade, muitos de nós trabalhamos ou já trabalhámos numa esplanada, numa biblioteca ou num meio de transporte público, por exemplo. Por um lado, pode ser uma forma de aumentar a produtividade, mas, por outro, também aumenta os riscos em relação à privacidade e segurança do nosso Mac, pois estamos rodeados de pessoas que não conhecemos e que podem tentar obter informação contida no nosso portátil.

Hoje deixamos-te 8 dicas essenciais para minimizares estes riscos.

Protege o teu Mac com uma palavra-passe

Uma palavra-passe para desbloquear o Mac é sempre uma medida de segurança importante, mas torna-se fundamental se levas o teu portátil para lugares públicos. Para definires uma palavra-passe, só tens de ir a Definições do Sistema > Touch-ID e Palavra-passe, clicar em Definir na secção Palavra-passe e escolher uma que seja difícil de adivinhar para terceiros.

Aconselhamos ainda que não adiciones dicas para a palavra-passe, pois isso pode ajudar alguém que queira aceder ao teu Mac e já tenha algumas informações pessoais sobre ti.

Se o teu Mac tiver Touch ID, é uma ótima forma de protegeres o teu portátil e não perderes tempo a digitar a palavra-passe.

Ativa o bloqueio automático quando o Mac está inativo

Em locais públicos, principalmente se estivermos sozinhos num café, por exemplo, e precisarmos de ir à casa de banho, temos que deixar o Mac sem supervisão durante uns minutos. Assim, é importante que este suspenda o ecrã automaticamente quando não está a ser utilizado.

Para ativares o bloqueio automático, só tens de:

  1. Clicar no menu Apple na barra superior e escolher Definições do Sistema;
  2. Clicar em Ecrã Bloqueado na barra lateral;
  3. Clicar no menu pop-up da opção Iniciar proteção de ecrã quando inativo e escolher Durante 20 minutos;
  4. Clicar no menu pop-up da opção Pedir palavra-passe após ativação da proteção de ecrã ou quando o monitor é desligado e escolher Imediatamente.

Assim, o teu Mac bloqueia automaticamente passado 1 minuto de inatividade. Estas definições só são necessárias se te esqueceres de bloquear o ecrã do teu portátil manualmente, através do botão Power ou pressionando o Touch ID.

Trabalha com uma tela escura ou com uma película de privacidade

Se, dada a importância do conteúdo do teu trabalho, preferes que pessoas que estejam atrás ou ao lado do teu Mac não consigam ver o ecrã, diminui o brilho ao máximo. Para o fazeres, fica a pressionar o F1 ou usa o controlo deslizante da Touch Bar, caso teu Mac a tenha. Se achares que não é suficiente, também podes usar uma aplicação para diminuir o brilho do teu ecrã.

Por outro lado, podes comprar uma película de privacidade para o ecrã do teu Mac, que reduz os ângulos de visualização, assim como o brilho e a precisão das cores.

Usa o FileVault

Ao teres uma palavra-passe no teu Mac, também podes ativar o FileVault, que é a tecnologia de encriptação da Apple para o macOS. Quando esta funcionalidade está ativa, todos os dados do disco rígido são encriptados assim que bloqueias o teu Mac e automaticamente desencriptados depois de o desbloqueares.

Usar o Mac em locais públicos e com recurso a redes wi-fi públicas expõe os teus dados a possíveis hackers. Com o FileVault, os teus dados estão sempre protegidos e não podem ser obtidos através de algum software ou hardware.

Para ativares o FileVault, vai a Definições do Sistema > Privacidade e Segurança e clica em Ativar ao lado da opção FileVault.

Captura de ecrã das definições de privacidade e segurança do MacBook, destacando a funcionalidade FileVault.

Instala a Private Access VPN para não correres riscos desnecessários

Quanto mais camadas de segurança tiveres, mais protegido estará o teu Mac. É fundamental usares uma VPN quando estás a trabalhar em redes Wi-Fi públicas.

As redes Wi-Fi públicas representam uma grande ameaça à tua privacidade. Instala a Private Internet Access no teu Mac para evitares que bisbilhoteiros ou cibercriminosos interceptem o teu tráfego e roubem informações importantes como passwords, histórico de navegação e até informações bancárias!

Atualiza o macOS e faz uma cópia de segurança dos teus dados

Se usares o Mac só em locais privados, não há grande problema de não atualizares o macOS imediatamente. Todavia, o uso em locais públicos torna as atualizações indispensáveis, visto que a Apple lança constantemente novos patches de segurança e os hackers de redes públicas podem explorar antigas falhas de segurança do macOS.

Para ativares as atualizações automáticas de software, vai a Definições do sistema > Geral > Atualizações de software. De seguida, clica no ícone Informações (i) junto a Atualizações automáticas e ativa tudo.

Captura de ecrã das opções de atualização automática de software, com todas as opções de atualização automática ativadas.

Recomendamos também que faças cópias de segurança regulares dos dados do teu Mac, para que não os percas caso precises de o formatar ou caso aconteça algo inesperado.

Desativa as ligações wi-fi automáticas

Por predefinição, o Mac liga-se automaticamente a redes wi-fi disponíveis quando não há redes conhecidas nas proximidades. Assim, pode perfeitamente ligar-se a redes públicas, as quais representam potenciais perigos.

Para desativares esta predefinição, vai a Definições do Sistema > Rede > Wi-fi e seleciona a opção Pedir para aceder. Quando o Mac pretender aceder a uma rede desconhecida, surgirá uma notificação que te vai permitir aceitar ou recusar essa ligação.

Captura de ecrã da opção "Pedir para aceder" dentro das definições de wi-fi do MacBook.

Desliga o Bluetooth quando não precisas dele

Com o Bluetooth ligado, o teu Mac fica exposto a várias ameaças de segurança. Ataques de hackers através do Bluetooth podem permitir fazer chamadas ou enviar mensagens de texto, visualizar e modificar arquivos, visualizar fotos e vídeos, ouvir áudios ou roubar dados, por exemplo.

Para desligares o Bluetooth, vai à Central de Controlo no canto superior direito da barra de cima, clica em Bluetooth e desliga-o quando estiveres em locais públicos, ligando-o somente quando estritamente necessário. Além disso, é importante não deixares a secção Bluetooth aberta nas Definições do Sistema, pois isso mantém o teu portátil detetável.

Apesar destas 8 dicas, a melhor forma de não colocares as tuas informações privadas em risco é, naturalmente, evitar realizar trabalhos confidenciais em locais públicos. Um espaço de trabalho seguro é fundamental para evitar possíveis ameaças.

Miguel Valente profile image Miguel Valente
Publicado a
Dicas