• Home
  • Notícias
  • iOS 17.3 entra em beta! Contamos-te o que há de novo
Mão esquerda com as unhas pintadas a segurar um iPhone virado de costas.
Miguel Valente

iOS 17.3 entra em beta! Contamos-te o que há de novo

A disponibilidade da primeira versão beta do iOS 17.3 e suas contrapartes, incluindo iPadOS 17.3, macOS Sonoma 14.3, watchOS 10.3 e tvOS 17.3, marca um momento significativo para os programadores que agora podem explorar as novidades destas atualizações de software.

Nesta fase inicial da versão beta do iOS 17.3, já foram descobertas pelo menos duas novas funcionalidades, que serão minuciosamente abordadas ao longo deste artigo.

Listas de reprodução colaborativas

iPhone na vertical com uma pré-visualização das listas de reprodução colaborativas, onde podemos ver uma intitulada "Game Night".

As primeiras versões beta do iOS 17.2 suportavam já as listas de reprodução colaborativas no Apple Music, mas a funcionalidade acabou por ser removida devido a preocupações com spam e abuso.

Esta nova adição ao Apple Music, que permite que os subscritores do serviço convidem amigos, familiares e outros para colaborarem nas suas listas de reprodução, adicionando músicas, é suportada pela beta do iOS 17.3 e tudo indica que, apesar do adiamento, seja lançada já no início do próximo ano.

Proteção de Dispositivos Roubados

iPhone na vertical com a pré-visualização da funcionalidade de Proteção de Dispositivos Roubados.

A primeira beta do iOS 17.3 inclui ainda uma nova funcionalidade de Proteção de Dispositivos Roubados, desenhada para adicionar mais uma camada de segurança na eventualidade do teu iPhone ter sido roubado ou de alguém ter descoberto o código do mesmo.

Quando a funcionalidade está ativa, os utilizadores têm que se autenticar com Face ID ou Touch ID para:

  • Ver palavras-passe e palavras-chave guardadas no Porta-chaves do iCloud;
  • Pedir um novo Apple Card;
  • Desligar o Modo Perdido;
  • Apagar todo o conteúdo e definições;
  • Usar métodos de pagamento guardados no Safari, entre outras ações.

Para tarefas especialmente sensíveis, como a alteração da palavra-passe do Apple ID associado ao iPhone, a funcionalidade adiciona um "atraso" à autenticação biométrica, o que significa que o utilizador, após a autenticação, tem que esperar uma hora e voltar a fazê-la. Ainda assim, a Apple referiu que este "atraso" não ser irá verificar quando o iPhone estiver em localizações familiares, como a casa e o local de trabalho.

O iOS 17.3 deverá ser lançado em janeiro ou fevereiro de 2024.

Estás entusiasmado com estas funcionalidades? Fala connosco nos comentários!

Fica a par de todas as novidades da Apple aqui no iFeed:

Miguel Valente profile image Miguel Valente
Publicado a
Notícias