Uma das grandes novidades da nova linha de iPhones 12 deste ano é a sua proteção Ceramic Shield no ecrã frontal que, alegadamente, o torna 4x mais resistente a quedas e mais resistente a riscos.

Como era de esperar, esta nova "proteção" já está a ser submetida a testes de durabilidade, de forma a comprovar a veracidade das alegações da Apple.

O canal de YouTube MobileReviewsEh utilizou um medidor de força para testar a resistência do ecrã do novo iPhone 12 em comparação com o seu antecessor. Este aparelho, que mede a força em newtons, registou que o ecrã do iPhone 11 suportou  352 newtons de força antes de partir, enquanto que, por outro lado, o ecrã do iPhone 12 suportou 442 newtons de força. Claramente está comprovado que o ecrã do iPhone deste ano é mais resistente.

De seguida, com o teste de dureza de Mohs, o ecrã do iPhone 11 apresentou riscos quando submetido a um elemento de dureza nível 6 e nível 7, o normal para um ecrã de Gorilla Glass 5. Por outro lado, o ecrã do iPhone 12 com Ceramic Shield, suportou o elemento de dureza nível 6 e apresentou riscos ligeiros no nível 7. O elemento de dureza nível 8 provocou riscos acentuados em ambos os ecrãs.

Num teste à parte, o ecrã do iPhone 12 suportou o contacto com moedas, chaves, pedras e um x-ato, não apresentando quaisquer riscos.

O rebordo do novo iPhone não apresenta muita resistência, riscando com mais facilidade. O vidro traseiro, no entanto, tem a mesma resistência que o do seu antecessor iPhone 11.

"O Ceramic Shield é definitivamente mais resistente no iPhone 12. Mais 100 newtons de resistência. Foi preciso muito esforço para partir este ecrã. Em termos de proteção contra riscos, está quase equiparado ao ecrã do iPhone 11. É ligeiramente mais resistente a riscos."

Agora que os novos iPhones 12 chegaram às mãos do público, devemos poder ver mais testes de durabilidade deste novo Ceramic Shield num futuro próximo.

Nota que estes testes de resistência nem sempre vão apresentar os mesmos resultados, podendo variar consoante o local onde a força é aplicada no ecrã, bem como o ângulo de queda do iPhone. É sempre recomendada alguma precaução com equipamentos de vidro, com ou sem Ceramic Shield.

No caso de, mesmo com proteção, chegares a ter algum problema com o teu iPhone ou qualquer dispositivo Apple podes, a partir de tua casa, enviá-lo para reparar num centro de assistência autorizado.

O que achas deste novo Ceramic Shield? Corresponde às espectativas? Deixa o teu comentário.