Marker: a Apple Pencil para iPhone que nunca viu a luz do dia...

A Apple desenvolveu uma Apple Pencil mais acessível, mas nunca a lançou.
Escrito por Pedro Alves e
2 mins de leitura
Marker: a Apple Pencil para iPhone que nunca viu a luz do dia...
Publicidade
Publicidade

A Apple Pencil, em ambos os modelos, é um acessório extremamente completo, e que aumenta de sobremaneira a produtividade de todos aqueles que contam com o iPad como ferramenta de trabalho diária. No entanto, nunca existiu um instrumento do género para iPhone, mesmo que o aumento do tamanho dos ecrãs verificado nos últimos anos fizesse prever a necessidade de algo assim.

Mas, e se dissessemos agora que a Apple desenvolveu uma Apple Pencil mais simples, mais acessível, mas sobretudo compatível com iPhone? A verdade é que sim, este acessório chegou a existir, e muito recentemente.

Como se pode ler acima, no último evento de Setembro, que deu a conhecer ao mundo o iPhone 14, estava planeado o lançamento de uma Apple Pencil mais simples e com preço de 49 dólares. O nome de código deste projeto era Maker, e consistia numa caneta básica, sem bateria nem sensor de pressão, apenas com um chip para comunicar com o ecrã do iDevice em questão. Ou seja, algo muito semelhante à S-Pen da Samsung.

O grande diferencial desta caneta seria a compatibilidade com iPhone, algo que até agora não existe, mas já foi pedido por bastantes utilizadores. No entanto, e sem se saber porquê, a Apple cancelou o projeto pouco tempo antes do seu lançamento, mesmo já com stock pronto a vender.

Esta situação faz-nos pensar: a estranha compatibilidade e forma de interação do iPad 10 com a Apple Pencil de primeira geração terá surgido como uma decisão de recurso, tomada à pressa devido ao cancelamento da Maker? Seria este iPad o primeiro a inaugurar o novo acessório, mas devido à falha do mesmo houve necessidade de procurar uma alternativa em algo já existente? De recordar que o adaptador para configurar e carregar a Apple Pencil 1 no iPad 10 demorou várias semanas a chegar às prateleiras, mesmo após o anúncio da obrigatoriedade do seu uso...

Publicidade
Publicidade
Partilhar artigo