Um Safari reforçado na WWDC21

Um Safari reforçado na WWDC21

A WWDC21 reforçou o Safari com novas funcionalidades e entusiasmantes inovações no Mac, iPad e iPhone que vêm para competir com a concorrência.

Gonçalo Antunes de Oliveira
∙ 4 minutos de leitura

A WWDC21 foi um festim de novidades. Nota-se o empenho da Apple em continuar a garantir o melhor entre o melhor para os seus utilizadores. Embora já muitas destas novidades circulem por aí na concorrência, é de saudar a introdução de funcionalidades e de características importantes de modo nativo no browser da maçã. Descobre abaixo as mais relevantes:

Extensões do Safari no iPhone e iPad

Já conheciamos este conceito noutros browsers. E, como é costume, lá vem a Apple inovar o que já existia. As extensões são "aquele bocadinho que falta" aos nossos navegadores, e os developers vão mesmo ter que estar no seu melhor quando as criarem, para conseguirem estar à altura deste navegador e dos seus utilizadores.

Barra de Separadores melhorada

Já há muito que a barra de separadores precisava de ser retrabalhada, e de modo transversal em todos os sistemas operativos.

No iPhone, os separadores passarão a estar localizados numa barra flutuante no fundo do ecrã, sobre a qual, com o simples deslizar do dedo, processa-se a alternância entre as páginas que estão abertas.

Nos Mac e iPad, o próprio separador incluirá o endereço, poupando espaço de ecrã ao remover a própria barra de endereços.

Barras de Separadores no Safari do macOS Monterey
Barras de Separadores no Safari do macOS Monterey | Fonte: Apple

Grupos de separadores

E como não podia ficar por aqui, também será possível salvar os separadores em grupos. Tal como acontece nas pastas, este é um excelente recurso para guardar tudo e organizar as nossas navegações. Poder-se-á inclusivamente arrastar um grupo de separadores para um e-mail, e os seus conteúdos serão convertidos numa lista partilhável com o destinatário! Tudo isto sincronizado entre todos os nossos dispositivos Apple.

Grupos de Separadores no Safari no macOS Monterey
Grupos de Separadores no Safari no macOS Monterey | Fonte: Apple

Página de abertura melhorada no iPhone e no iPad

O macOS Big Sur introduziu um conceito muito interessante no Safari: a possibilidade de personalizar a página de abertura. De um endereço que pré-definiamos ao entrar no Safari, passámos a ter um espaço com os nossos Favoritos,  websites frequentemente visitados, relatórios de privacidade, lista de leituras, sugestões da Siri e as nossas navegações noutros dispositivos que tenhamos da Apple. Tudo com imagem de fundo por nós definida.

Pois agora, para além de melhorias nas características acima apresentadas, a Apple não apenas introduziu mais uma - "Partilhado com" - mas irá também sincronizar esta página de abertura em todos os seus sistemas operativos, ou seja, entrar e viajar no Safari será uma experiência continuada e fluída.

Protocolo HTTPS generalizado

Como a tendência para a utilização de protocolos seguros se está a tornar norma (e ainda bem), o Safari irá optar automaticamente, sempre que possível, pela versão segura dos websites que visitamos.

Pull-to-refresh

Já acontecia em várias aplicações instaladas no iPhone ou no iPad e também já há muito no Android. Chegou também ao Safari. Para atualizar a página, um simples movimento com o dedo para baixo irá encarregar-se desta tarefa, eliminando a seta circular na barra de endereços.

Monitorização do seguimento melhorada

A Apple pode ter encetado uma luta com gigantes, mas fez muito bem. E se já conhecíamos os processos que impedem o seguimento dos nossos movimentos na Internet pelos promotores de anúncios e publicidade, agora o Sistema de Inteligente de Prevenção de Seguimento dará mais um passo, impedido que o nosso IP seja utilizado pelos trackers.

Pequisa por voz

Mais um pormenor. Mas não menos importante. Se antes havia a necessidade de clicar na barra de busca, clicar no icon do microfone na secção do teclado e ditar, agora, a pesquisa por voz será feita através de um simples click num icon com um microfone.

Suporte para Live Text

Esta característica – mais uma vez, que não é nova – foi apresentada na WWDC21 como uma grande novidade nos sistemas operativos da Apple. E ainda bem. O Google Lens é imensamente útil e já estava mais que na hora de termos esta funcionalidade de modo nativo nos nossos dispositivos. Bom, mas neste caso estamos a falar em reconhecimento de texto existente nas imagens. Muito bem-vindo, mas tardio.

Novo menu: "Mais"

As muitas funcionalidades do Safari são uma mais-valia para garantir uma experiência mais completa, informada e segura nas nossas navegações. Os relatórios de seguimento, a lista de leitura, tradução, etc., foram-se acumulando em vários locais do browser e as suas localizações alteradas à medida que surgiam novas atualizações. Com este novo menu, a Apple arrumou tudo convenientemente neste "Mais", permitindo um acesso mais limpo e rápido a estas funcionalidades.

Conclusão: um Safari mais apelativo?

Sabemos que o Safari terá um aspeto mais refinado, em linha com habituais melhorias que as novas versões dos sistemas operativos normalmente acarretam. Caminharmos na direção de um único Safari em todos os dispositivos é um dos aspetos mais interessantes.

A homogeneização ecossistema Apple nos seus vários sistemas operativos funciona e recomenda-se. E a empresa da maçã sabe o que faz. Não confunde os seus utilizadores: um iMac tem utilizações diferentes de um MacBook, de um iPad e de um iPhone. Mas todos podem operar enquanto extensão uns dos outros, garantindo um acompanhamento constante ao longo do dia dos seus detentores.

É notório que Apple continua a empenhar-se em dar aos seus utilizadores uma experiência cada vez melhor, no caso deste artigo, fomentanto a ideia de que a instalação do Chrome, do Firefox ou do Edge seja cada vez menos necessária para que se possa usufruir de tudo o que um browser tem para oferecer.

Tudo muito tardio. Devagar se vai ao longe? É verdade. Contudo, há funcionalidades que já há muito poderiam integrar o Safari. Sim, porque longe vão tempos em que navegar na Internet era apenas isso.


Eis outro conteúdo que poderás achar interessante:

Imagens em destaque de Apple

A tua subscrição no iFeed foi efetuada com sucesso.
Bem-vindo de volta! Iniciaste sessão com sucesso.
Perfeito! O teu registo foi concluído com sucesso.
O teu link expirou
Parabéns! Verifica o teu e-mail e utiliza o link para iniciar sessão.