Foi durante a apresentação dos resultados do quarto trimestre que o CEO da Apple, Tim Cook, indicou que este é um ano em que teremos mais lançamentos da empresa de Cupertino. Apesar de não explicitar quais, espera-se os lançamentos dos novos Macs com Apple Silicon, entre outros que podes encontrar mais abaixo neste artigo.

Na conferência em formato digital, Cook apresentou as conquistas que a Apple alcançou durante o ano de 2020. Em relação à época festiva que se aproxima, o CEO da Apple não revelou qual o plano da empresa, declarando apenas:

"Posso dizer que este ano ainda tem mais algumas coisas excitantes reservadas."

Já durante a WWDC de junho deste ano, a Apple anunciou que os primeiros Macs com Apple Silicon deveriam ser lançados antes de 2021. Novembro apronta-se como o mês ideal para novos lançamentos, já que a proximidade com a época natalícia e com os já famosos descontos de natal das lojas impulsionam os consumidores a atualizar os seus gadgets tecnológicos. Se para além dos Macs assistirmos ao lançamento de novos produtos, como os headphones de marca própria AirPods Studio, ou até a chegada de serviços, como o Apple Fitness+, certamente que a Apple se prepara para fechar o ano em grande.

O que esperar do próximo evento da Apple?

Por esta altura, e com a declaração de Tim Cook, podemos dar como garantido a existência de um terceiro evento este ano, cujos rumores apontam para 17 de novembro. Para além da nova geração de Macs com os processadores Apple Silicon, esperam-se os lançamentos dos beacons de rastreamento AirTags, AirPods Studio e Apple Fitness+. Contudo, rumores recentes apontam que os AirPods Studio só deverão chegar em 2021.

Outras das "suspeitas" de lançamento recaem sobre os produtos já anunciados, como o HomePod Mini, os novos acessórios MagSafe ou o iPhone 12 Mini e 12 Pro Max.

Iremos certamente continuar a estar atentos a todos os rumores sobre o próximo evento da Apple, com data prevista a 17 de novembro. E tu? Que produtos Apple gostarías de ver ainda este ano? Partilha connosco na secção de comentários.