AirTag apanha companhia aérea United Airlines como mentirosa

Uma AirTag acoplada a uma mala extraviada foi o suficiente para expor e denunciar uma mentira da United Airlines.
Escrito por Samuel Pinto e
2 mins de leitura
AirTag apanha companhia aérea United Airlines como mentirosa
Publicidade
Publicidade

O episódio foi denunciado por Valerie Szybala na sua conta pessoal do Twitter, onde ela expôs uma atitude muito pouco profissional por parte da United Airlines, uma das maiores companhias aéreas dos EUA.

Valerie colocou uma AirTag na sua bagagem de forma a não perdê-la de vista. Contudo, o facto é que a companhia United Airlines acabou mesmo por perdê-la e por consequência, a sua mala acabou por se extraviar. É certo e sabido que acessórios como as AirTags localizam com uma precisão exata o local de objetos que foram roubados ou perdidos. Desse modo, situações como estas geralmente acabam por ser de fácil resolução, o que torna as AirTags um acessório apetecível e útil.

O problema é que os funcionários do suporte ao cliente da United Airlines não têm, ou pelo menos não tinham, a noção disso. Quando Valerie se apercebeu do extravio da sua bagagem, decidiu entrar em contacto com a empresa a informar a localização exata com recurso à AirTag atrelada na bagagem, e naturalmente, à rede Encontrar. Só que as respostas da empresa não correspondiam à realidade e Valerie resolveu denunciar a situação publicamente.

Antes de contactar o suporte da United Airlines, Valerie rastreou a sua bagagem e constatou que ela se encontrava junto a um complexo de apartamentos. Nas mensagens do suporte ao cliente ela informa repetidamente que encontrou a localização da sua bagagem, graças à AirTag. Apesar disso, o suporte apenas lhe diz para se acalmar, que lhe entregariam a mala e para não se preocupar.

Insistindo novamente na localização da AirTag, o suporte finalmente reconhece isso, mas ainda assim repetem que Valerie está errada e que a bagagem está segura no centro de distribuição dos serviços de entrega. Quando pressionou a empresa para lhe enviar os detalhes da política de perda e roubo de bagagens, o suporte ao cliente simplesmente não respondeu mais.

Depois disso, a AirTag ainda localizou a sua bagagem em movimento junto a um McDonalds e depois regressou novamente ao complexo de apartamentos. Valerie decidiu rastrear presencialmente a sua bagagem junto do complexo de apartamentos e junto com ela, leva duas equipas de reportagem para filmar o sucedido.

Nesse ínterim, recebe uma mensagem de um alegado distribuidor, que instantes depois acaba por lhe entregar a bagagem nesse mesmo local dos apartamentos. O distribuidor fica surpreso por ver Valerie com duas equipas de reportagem, mas o facto é que a bagagem finalmente encontrou a sua proprietária.

Esta não é a primeira vez que as AirTags revelam viagens improváveis e inesperadas de bagagens nas quais são colocadas. Podes recordar um casal canadiano que por intermédio duma AirTag, viu a sua bagagem a fazer turismo em Portugal. E tu, és utilizador de AirTags? Já passaste por alguma situação parecida?

Publicidade
Publicidade
Partilhar artigo